No Jiu Jitsu Uma Das Formas De Vencer É Entrar Na Mente Do Seu Oponente!

No Jiu Jitsu Uma Das Formas De Vencer É Entrar Na Mente Do Seu Oponente!

Não é segredo para ninguém que o Jiu Jitsu é considerado um xadrez humano, onde o atleta mais inteligente vence por sua técnica e estratégia e não por sua força física. Muitos leigos que não compreendem realmente como a arte funciona acham que para dominar a luta um atleta precisa ser forte e grande, é claro que se ele tiver esses atributos ajuda, mas a sua qualidade técnica é sua astúcia que farão diferença.

Em um certo momento da vida do atleta as coisas começam a ficar mais difíceis e as lutas começam a ser resolvidas nos detalhes já que o nível técnico começam a parear. Em lutas de faixas pretas é muito comum observamos essa questão, geralmente são poucos pontos ou vantagens que definem o resultado da luta. Atualmente com a evolução do Jiu Jitsu e a profissionalização dos atletas, não é difícil que isso aconteça também nas faixas coloridas.

Mas na grande maioria nas lutas de pretas é possível ver que os atletas se estudam, pensam muito no que irão fazer, pois um pequeno erro pode ser fatal para ele e muito benéfico para seu oponente. Os competidores menos experientes tem muito a aprender assistindo as lutas dos mais graduados, eis a importância de sempre ver lutas e aprender como eles se comportam diante desses combates, principalmente os mais perigosos.

O Jiu Jitsu é uma arte refinada, inteligente, estratégica e isso deve ser sempre usado em favor do lutador. Pense como se fosse numa guerra um general não coloca todas as suas melhores armas e seus melhores guerreiros a frente do inimigo sem antes estudá-lo e montar a sua estratégia.

A estratégia se não for bem feita pode comprometer toda a tropa e inclusive levar a derrota, por esse motivo, tudo deve ser feito com cautela, preparação correta e pericia. No nosso esporte segue o mesmo pensamento, você não pode mostrar tudo o que você tem a oferecer de mão beijada, a não ser que confie tanto em sua técnica e se garante, onde não dará chances de reação ao seu oponente.

Agora se você quer ser ardiloso e vencer o oponente com inteligência você precisa induzi-lo ao erro e não se matar a toa. Imagine só você entra para luta troca 2 minutos em pé, sem resultados puxa para guarda, faz dezenas de ataque e ameaça várias vezes raspagens se cansa excessivamente e quando consegue efetivar a técnica e raspar o oponente você cresce o olho, e quer montar, pegar o braço seu oponente mais que depressa se defende e nos fim das contas não ouve nada e você se desgastou a toa.

Nem sempre saber as técnica é suficiente, além de conhece-las deve saber como usá-las e a hora certa de usá-las. E nesse quesito que a estratégia se encontra com as técnicas essa união fará toda a diferença para o resultado de uma luta. Esse é o X da questão, se você aprender essa habilidade caro amigo, dificilmente alguém irá lhe deter.

Lembre-se sempre você nunca deve lutar com a pessoa que está dentro do kimono e sim com a técnica dela, mas nada impede que você lute também com sua mente deixando o confuso e favorecendo você para efetivar aquilo que aprendeu com mais segurança.

Deixe o desconfortável

Quando seu adversário está confortável ele tem tranquilidade para fazer pegadas, se movimentar e enrolar a sua vida, agora se você trabalha justo exercendo uma pressão constante nele, ele precisará primeiro suportar a pressão, se defender e só depois pensar em lhe oferecer algum risco.

Ao ter esse comportamento você começa a mexer com a mente dele, minando não só o seu gás como também a sua confiança e é aí que as oportunidades aparecem e quanto menos esperar ele deixará uma brecha para que você chegue em uma posição superior e quem sabe até consiga chegar numa posição de finalização .

Paciência é o caminho

A mente de uma pessoa é o seu inimigo mais sagaz! Ela pode ser mais efetiva para destruir um homem do que um exercíto de mil soldados. Então mexer com a mente de eu oponente pode ser o caminho para sua vitória.

Quando falamos em entrar na mente de seu oponente não estamos dizendo para você desrespeitá-lo, dizer palavras ofensivas ou ter comportamentos inadequados com os preceitos da arte suave. Entrar na mente é uma metáfora que quer dizer confundir o seu oponente, deixa-lo desorientado sem saber exatamente o que você fará, isso deixará você com um dois passos na frente de seu oponente.

A paciência é essencial para isso, se você se afobar pode ser que você faça tudo e ao mesmo tempo não faça nada, então espere a hora certa de dar o seu bote para que ele seja certeiro e eficaz.

Um mestre nas estratégias é Eduardo Teles, com um jogo único é com diferente faz com que seu oponente achem que estão na vantagem, mas na verdade estão diante de um armadilha utilizada por ele para vencer os oponentes com habilidade e esperteza.

Para que não conhece o jogo desse monstro do Jiu Jitsu ele desenvolveu uma guarda que levou o nome de guarda tartaruga. Essa "Guarda" se desenvolve a partir dos 4 apoios, o que teoricamente não seria uma guarda por não existir guarda de costas, porém Eduardo Teles com muita habilidade estudou essa posição, que a princípio era desfavorável a ele, e a partir dali consegue chegar a raspagens efetivas e ataques fulminantes.

Ele consegue entrar na mente de seus adversários e enquanto eles acham que estão na vantagem ele reverte a posição conseguindo o domínio da luta, isso é o que chamamos de inteligência e estratégia. Confundir o oponente deixa você mais próximo de sua vitória.

Já pensou em descobrir os segredos de Eduardo Teles e surpreender seus oponentes?

Agora você pode aprender os melindres dessa fera ele juntamente com a equipe do BJJFANATICS  preparou um curso fantástico onde ele lhe ensinará cada detalhe para que você aprender tudo o que precisa para sair na frente dos seus oponentes!

Não espere mais e venha revolucionar o seu Jiu Jitsu!

TUDO SOBRE A GUARDA TARTARUGA COM EDUARDO TELLES

COMPRE AQUI

 

Marcadores