Há Exatos 13 Anos O Grande Mestre Carlson Gracie Nos Deixava, Saiba Um Pouco Mais Sobre A Sua História

Há Exatos 13 Anos O Grande Mestre Carlson Gracie Nos Deixava, Saiba Um Pouco Mais Sobre A Sua História

Há exatos 13 anos nosso grande Mestre Carlson Gracie nos deixava no dia 1 de Fevereiro, porém sua história e seu legado ainda permanecem vivos, na mente, e no coração das pessoas que tiveram o prazer de conviver com o saudoso Carlson, aos que não tiveram essa oportunidade, ainda podem acompanhar sua história através de sua academia, onde conseguiu formar diversos Campeões e a cada dia que passa essa corrente consegue construir mais e mais lutadores de sucesso, arrastando por onde passa ainda mais o seu legado, sendo reconhecido principalmente por sua generosidade e seu grande coração.



Carlson iniciou sua carreira como lutador profissional, aos dezesseis anos de idade, em um evento contra Waldemar Santana. Waldemar possuía por pouco mais de 90 quilos e havia derrotado seu tio Hélio que era 30 quilos mais leve em um épico combate de três horas e quarenta minutos, realizado em 1954.

Seis meses depois, após a derrota do tio, Carlson subiria ao ringue para vingar sua família em um combate que duraria quarenta minutos,e que a imprensa da época batizou de "Um massacre". Esta foi a primeira das quatro lutas travadas contra Waldemar (duas vitórias, dois empates) no cartel de Carlson que ao todo teve dezenove lutas profissionais e apenas uma derrota.



Carlson Gracie juntamente com seu colega de treino Pedro Hemetério defendeu por muitos anos o nome da Academia Gracie e deu continuidade a série de desafios que a família Gracie fazia contra praticantes de outras artes marciais. Esses desafios tinham como objetivo, firmar o Jiu Jitsu brasileiro como a mais efetiva forma de combate e auto defesa.

O MANUAL DA MEIA GUARDA INVERTIDA COM JAKE MACKENZIE (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


Carlson também possuía uma habilidade ímpar para treinar lutadores, conseguia dizer após poucos minutos de contato se um praticante seria ou não campeão. Muitos achavam estranha essa facilidade em identificar campeões de maneira tão simples, mas suas expectativas acabavam se concretizando e sua academia conquistava cada vez mais novos adeptos e tranformava-os em campeões.

Seu gosto era exótico, gostava de música francesa, era fluente em francês e possuía uma memória capaz de gravar centenas de verbetes do dicionário. Curiosamente, mesmo radicado por muitos anos nos Estados Unidos, negou-se a aprender a lingua do país em que morava.



Mestre Carlson, como assim era chamado por alunos e praticantes de Jiu Jitsu que o conheciam, sempre foi um grande treinador mas não possuia habilidade para lidar com negócios. Essa falta de aptidão comercial somada a paixão por ensinar seus alunos, lhe fez treinar muitos jovens vindos de famílias de baixa renda sem cobrar por isso. Fora isso alguns Professores que davam aulas na Carlson também dividiam o lucro dos alunos e muitos deles enganavam Carlson, pedindo para o aluno pagar a mensalidade pessoalmente a ele e não na secretaria da academia.

O MANUAL DAS DEFESAS COM BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


Outro acordo não oficial era que esses jovens devolvessem o investimento que lhes era feito, doando ao mestre parte das premiações ganhas nos eventos que participassem. Como o valor dessas premiações começaram a se tornar maiores e mais expressivas e não havia um contrato que obrigasse esses atletas a sederem parte de suas bolsas, muitos de seus alunos deixaram sua célebre academia em Copacabana no ano de 1999 e deram origem a famosa Brazilian Top Team e futuramente a equipe de MMA americana American Top Team.

Alguns escudeiros, no entanto, acompanharam o professor até o final, como Osvaldo Paquetá, Wallid Ismail , Fernando Carlos "Nutri Baby" Carvalho da Silva, Luis Carlos Matheus,"Manimal", Crezio de Souza, Cleiton Chavez (Bubina), Ari Fernando, e Marcelo Saporito.



Carlson foi condecorado como faixa vermelha 9º grau pela Confederação Brasileira de Jiu Jitsu, mesmo não dando muita importância para isso, uma vez que sempre usou uma Faixa Preta lisa e sem graus para amarrar o Kimono com o qual dava aulas.

Carlson faleceu vítima de parada cardíaca, após infecção generalizada provocada por cálculo renal, no hospital Lincoln Park, em Chicago, onde mantinha uma academia de Jiu Jitsu.

Seus ensinamentos, legado e história são lembrados por seus alunos e praticantes das Artes Marciais no mundo todo, sempre procurando entender um pouco mais da filosofia da Arte Suave e quem foram os mestres que a fizeram popular em todo o mundo.

Descendo um pouco mais na árvore genealógica do Jiu Jitsu de Carslon Gracie, temos a Brazilian Top Team, equipe na qual foi fundada tendo as raízes de Carlson, e o nosso atleta Leonardo Saggioro o "cascão", disponibilizou um super curso de Raspagens, chamado "Raspe Todo Mundo", Cascão ensina diversos truques e raspagens para surpreender qualquer adversário, não perca tempo e adquira já o seu. 

RASPE TODO MUNDO POR LEONARDO SAGGIORO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

Marcadores