Saiba Tudo Sobre A Fera do Jiu Jitsu Amanda Monteiro, Representante Da GFTeam

Saiba Tudo Sobre A Fera do Jiu Jitsu Amanda Monteiro, Representante Da GFTeam



BJJFANATICS: Você Poderia Nos Falar Um Pouco Mais Sobre Quando Começou no Jiu Jitsu, E Onde Treinava? Desde O Início você Já Gostava De Competir? Em Algum Momento Tinha Alguma Pretensão Em Viver Do Esporte?


"Com 16 anos comecei a treinar Muay Thai na academia Ryan Gracie Capão. A aula de Jiu Jitsu começa logo após e eu ficava observando, mas não me interessava muito. Uns colegas começaram a botar muita pilha para eu treinar, por que eu levava jeito para luta e então comecei a me interessar. No meu aniversário de 17 anos minha mãe me deu um Kimono e comecei a treinar, me apaixonei e só queria treinar Jiu Jitsu. Com 6 meses de treino eu lutei uma seletiva do ADCC que teve em SP e acabei perdendo de cara, mas adorei a sensação, dali em diante comecei a competir quase todo fim de semana campeonato internos."



"No começo não tinha pretenção de viver do esporte, porque eu não tinha noção nenhuma como era grande o mundo do Jiu Jitsu. Foi quando eu ganhei a seletiva de Abu Dhabi na Faixa Azul em 2014, nesse momento começou a cair a ficha, em que eu poderia sim viver desse esporte. "



BJJFANATICS: Poderia Falar Um Pouco Dos Seus Títulos Mais Relevantes, E Dos Campeonatos Que Talvez Você Não Tenha Vencido Mas Gostou Muito De Lutar No Evento.

"Acho que o título fundamental que me despertou para querer viver do Jiu Jitsu foi o World Pro em 2014 na Faixa Azul, acabei ficando em segundo lugar na Categoria e no Absoluto, mas eu fiquei feliz por não imaginar que conseguiria ir “tão longe”.

OS SEGREDOS & TRUQUES DAS PASSAGENS DE GUARDA DA GFTEAM JULIO CESAR PEREIRA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


"O Campeonato Europeu foi um Campeonato que eu me emocionei bastante, foi o primeiro grande evento que lutei de Kimono como Faixa Preta, quando eu venci a final eu fiquei muito feliz e com vontade de treinar mais e mais para o Campeonato Mundial que estava por vir."

"Mas sem dúvida o título mais importante foi o de Campeã Mundial pela IBJJF. Foi indescritível, eu sempre me imaginava vivendo aquele momento, e quando eu vi estava lutando com as melhores da minha categoria. Foi um sensação muito boa de recompensa a todo seu trabalho e dedicação."



"As duas vezes que eu lutei o World Pro em Abu Dhabi eu acabei ficando em segundo lugar, e fiquei por um triz do cinturão, eu acho incrível o evento e quero muito ganhar o próximo que eu lutar."


BJJFANATICS: Como É A Sua Rotina De Treinos, Sua Suplementação, Você Faz Algum Treino Fora Do Jiu Jitsu?

"Hoje eu dia estou morando na Califórnia - EUA, e me dedico somente ao Jiu Jitsu. Faço treino de posição, depois Sparring e a noite eu faço Preparação Física. Estou tendo um acompanhamento com uma nutricionista excelente agora, ela mantém a minha dieta mais natural possível. Minha suplementação e bem básica, utilizo apenas Whey Protein, BCAA e algumas vitaminas."

O TUTORIAL DO TRIÂNGULO COM RODRIGO CAVACA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


BJJFANATICS: Como você se sente sendo uma das principais referências femininas para o esporte? Qual a dica que você dá para as mulheres que estão começando na arte suave?

"Ainda não caiu a ficha de que eu possa ser referência para algumas garotas, mas quando eu recebo alguma mensagem ou encontro com meninas em campeonatos que dizem admirar meu trabalho, eu fico extremamente feliz e honrada por estar inspirando outras garotas, que eu possa sempre passar coisas boas e motivação. A dica que eu dou para as garotas que estão começando: é muito difícil ser atleta de Jiu Jitsu ainda mais no Brasil, a caminhada é longa, cheia de altos e baixos, às vezes mais baixos do que altos, mas a recompensa vale muito a pena, se o Jiu Jitsu é o que você ama, então não desista e dê tudo de si que com certeza vai da certo."



BJJFANATICS: Você Já Sofreu Algum Tipo De Preconceito Por Ser Mulher? Como Você Reage A Tudo Isso?


"Preconceito diretamente acho que não, mas a atleta feminina sofre uma desvalorização muito grande em tudo. É muito desanimador você se dedicar tanto quanto um homem e não ser valorizada, vejo isso nas premiações, em eventos, patrocínios, salários (quando tem) e etc. Vejo nesse meio muitas garotas que tem muitos patrocinadores por ter que exibir o corpo e ter muito seguidores por esse motivo, enquanto outras que são super atletas e campeãs mal tem um apoio para um Kimono."

A CIÊNCIA DA PASSAGEM DE GUARDA COM LUCAS LEPRI (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


"É muito triste, mas aos poucos estamos conquistando nosso espaço, mostrando isso no tatame, tem muitas lutas femininas que são as vezes muito mais agressivas e excitantes de assistir do que as masculinas, então eu acho que vamos chegar lá."

BJJFANATICS: O que você acha da premiação masculina ainda ser diferente da feminina? Qual a sua sugestão para que isso mude?

"A minha sugestão para que a premiação mude é diferente de algumas pessoas, principalmente os homens, que acham que praticamente todas as garotas precisam se inscrever nos absolutos para ganhar premiações iguais. Na faixa colorida eu lutei bastante Absoluto e sei o risco de se machucar, são poucos pesos leves que se inscrevem no Absoluto no masculino, isso serve para o feminino também."


 

"O BJJ PRO por exemplo, no Absoluto masculino é dividido e premia 4.000 na categoria, já o Absoluto feminino não tem limite, e a IBJJF premia apenas 1.500 no Aboluto aberto. Uma garota peso pluma como eu lutando com uma menina pesada é sim muito arriscado de se machucar. Tenho muito a perder tendo uma lesão, e uma premiação de apenas 1.500 dólares não valeria a pena com o que eu perderia em tratamento e recuperação, sem contar os campeonatos que ficaria de fora. Admiro muito a UAEJJ por ter a iniciativa de separar as categorias e ter premiação em dinheiro para todas elas, realmente me sinto uma atleta profissional quando luto um Campeonato assim, mesmo não sendo o mesmo valor do masculino."



BJJFANATICS: Nos Conte Um Pouco Sobre Sua Expectativa Para O Ano De 2019, E Quais Campeonatos Deseja Participar, Você Tem Alguém Em Quem Se Inspira No Jiu Jitsu?


"Esse ano eu queria muito ter ido lutar o Campeonato Europeu, não pude ir e também não irei para o World Pro que são campeonatos em que eu adoraria muito lutar, mas em compensação vou lutar o Campeonato PanAmericano pela primeira vez, e estou muito entusiasmada. Estou fazendo o Camp na Califórnia com o Mestre Júlio e estou treinando forte, ele pega muito no meu pé e isso faz com que eu sempre dou o meu máximo. E se Deus permitir lutarei também o Campeonato Mundial, e estarei preparada para dar cem por cento de mim no tatame. Por enquanto estou focada nesses dois, mas pretendo o lutar alguns Grand Slams pela UAEJJ também."



Assim como Amanda, nossa atleta Thamires Aquino também possui grandes títulos na Arte Suave, dona de um das maiores Guardas Aranha da atualidade, Thamires disponibilizou um super curso de Guarda Aranha, onde ensina com maestria todos os detalhes dessa Guarda incrível! Se você curte esse tipo de Guarda ou curte ate mesmo as mulheres no esporte adquira já o seu super curso com desconto, mas corra pois o desconto pode expirar a qualquer momento.

OS TRUQUES DA GUARDA ARANHA COM THAMIRES AQUINO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


COMO LUTAR CONTRA O ADVERSÁRIO MAIOR, MAIS FORTE E MAIS PESADO: GUARDA BY BRUNO MALFACINE (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI


O MANUAL DA MEIA GUARDA INVERTIDA COM JAKE MACKENZIE (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

Marcadores