Jéssica Bate Estaca Conquista Cinturão, José Aldo E Anderson Silva São Derrotados, Confira Tudo Que Aconteceu Pelo UFC 237 No Rio De Janeiro

Jéssica Bate Estaca Conquista Cinturão, José Aldo E Anderson Silva São Derrotados, Confira Tudo Que Aconteceu Pelo UFC 237 No Rio De Janeiro

No último sábado, 11 de maio, a cidade do Rio de Janeiro, recebeu a pela 10ª vez uma edição do maior evento de MMA do mundo, o Ultimate Fighting Championship. O evento realizado na Jeunesse Arena localizada no Parque Olímpico da Barra da Tijuca, contou com a participação de 14 brasileiros em 11 combates, dentre eles Anderson Silva, José Aldo e a nova campeã do peso Palha feminino Jéssica Bate-Estaca .

Além da presença de muitos brasileiros, o UFC 237 ficou marcado por trazer até o público brasileiro alguns dos maiores atletas do Jiu Jitsu no passado como os campeões Mundiais de Jiu Jitsu IBJJF, BJ Pen e Serginho Moraes.

No card Preliminar os Brasileiros estavam muito bem, até que na última luta Rogério Minotouro acabou sendo nocauteado com pouco mais de 2 minutos de combate. Na abertura do card principal até a anterior ao cinturão nenhum brasileiro voltou a vencer, ficando a cargo de Jéssica Bate-Estaca salvar a pátria e conquistar o título para o Brasil!

O BJJ Fanatics esteve de olho no UFC 237 e traz aqui os principais destaques e os resultados completos do evento! 

"Fabiano Scherner é treinador de grandes astros do UFC ,o jogo dele é extremamente eficaz e objetivo, voltado totalmente para encerrar o combate com rapidez focando em finalizações." 

Leia Mais Sobre Fabiano...

Luta Principal

Com um belo nocaute Jéssica “Bate-Estaca” Andrade confirmou para o Brasil mais um cinturão da divisão feminina do UFC. A façanha ocorreu diante de Rose Namajunas que no segundo round não suportou a pressão da brasileira e terminou o combate na lona

O nocaute aconteceu quando as atletas estavam na grade do octógono trocando esgrimas, e a americana tentava pegar o braço de Jéssica com uma Kimura. A brasileira ignorou a tentativa de finalização e erguei sua adversária acima da sua cabeça e a arremessou de cara no chão, após a queda Rose imediatamente ficou desacordada devido a pressão da queda.

Jéssica se tornou assim a primeira brasileira campeã do peso-palha, e a terceira brasileira a ter conquistado um cinturão do UFC - ao lado de Amanda Nunes e Cris Cyborg. Atualmente 3 dos 4 cinturões femininos estão com o Brasil, sendo eles, o de Jéssica no peso Palha (até 52kg) e os outros dois estão com Amanda Nunes campeã no peso Galo (até 61Kg) e também no peso Pena (Até 65,7Kg). Ela é também a quarta campeã da história da divisão, sucedendo Carla Esparza e Joanna Jedrzejczyk e Rose.

Jéssica ainda faturou dois bônus, o de Luta e também o de Performance da Noite, levando para casa uma premiação extra de 100 mil dólares. A ex-campeã Rose Namajunas também recebeu um bônus de 50 mil dólares. O outro prêmio de Performance da Noite foi para Warlley Alves, que pelo card preliminar nocauteou Serginho Moraes.

Anderson Silva e José Aldo são derrotados

As Lendas brasileiras José Aldo e Anderson Silva não tiveram a mesma sorte da nova campeã peso-palha. Os Ex-campeões do torneio foram derrotados diante de Alex Volkanovski e Jared Cannonier, respectivamente.

Lutando em casa, no Rio de Janeiro, cidade na qual Anderson veio se preparando para esse combate, com o apoio do grande mestre de Jiu Jitsu Ricardo De La Riva, Anderson até vinha fazendo um bom primeiro round, entretanto tomou um chute na perna direita, a mesma que ele havia tido uma grave lesão anos atrás, o atleta caiu imediatamente no octógono reclamando de uma lesão.

"Desculpa, galera. Eu já estava com o joelho machucado, tomei um chute em cima e não deu para segurar. Desculpa, desculpa!", disse Anderson, ainda no octógono.

A gravidade da lesão ainda é desconhecida, mas o médico disse que Anderson Silva não teve fratura, mas teme por lesão nos ligamentos.

José Aldo perdeu para o australiano Alexander Volkanovski por decisão unânime dos jurados após três rounds (triplo 30-27). Foi a primeira vez que José Aldo perdeu uma luta no UFC que não valia cinturão.

O australiano soube muito bem controlar a luta, conseguindo sempre encurtar a distância e colocar Aldo encurralado. De certo modo, o combate acabou foi  equilibrado na trocação, mas Volkanovski desferiu mais golpes, principalmente no terceiro round.

Aldo agora fica bem longe do seu desejo de retomar o cinturão e pode deixar o UFC após sua próxima luta. Ele tem mais apenas um combate no contrato e já disse que não pretende renová-lo. A ideia era se aposentar com o cinturão, no auge. Mas ele deve ter que mudar os planos.

Outros Brasileiros em Ação

Ainda pelo Card Principal o brasileiro Thiago Pitbull foi derrotado por decisão unânime dos jurados diante do argentino Laureano Staropoli e finalizou Bethe Correia que havia estourado mais de 2 kilos na pesagem foi finalizada com uma chave de braço pela mexicana Irene Aldana.

O card preliminar contou com quatro nocautes e três decisões. Rogério Minotouro, o mais conhecido lutador do Card Preliminar acabou nocauteado rapidamente. Já as promessas Raoni Barcelos e Viviane Araújo deram show!

Confira os resultados completos do UFC 237

CARD PRINCIPAL

  • Jéssica Bate-Estaca (BRA) nocauteou Rose Namajunas (EUA) aos 2:58 do 2º round – pelo cinturão feminino dos palhas
  • Jared Cannonier (EUA) nocauteou Anderson Silva (BRA) (LESÃO) aos 4:47 do 1º round - médios
  • Alexander Volkanovski (AUS) venceu José Aldo (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - penas
  • Laureano Staropoli (ARG) venceu Thiago Pitbull (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) – meio-médios
  • Irene Aldana (MEX) finalizou Bethe Correia (BRA) com uma chave de braço aos 3:24 do 3º round – galo feminino 

CARD PRELIMINAR

  • Ryan Spann (EUA) nocauteou Rogério Minotouro (BRA) aos 2:07 do 1º round – meio-pesado
  • Thiago Moisés (BRA) venceu Kurt Holobaugh (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-26, 30-26 e 30-27) - leves
  • Warlley Alves (BRA) nocauteou Sérgio Moraes (BRA) aos 4:13 do 3º round – meio-médios
  • Clay Guida (EUA) venceu BJ Penn (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-27) - leves
  • Luana Dread (BRA) venceu Priscila Pedrita (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-26, 30-26 e 29-27) – moscas feminino
  • Raoni Barcelos (BRA) nocauteou Carlos Huachin (PER) aos 4:49 do 2º round - galos
  • Viviane Araújo (BRA) nocauteou Talita Bernardo (BRA) a 0:48 do 3º round – galos feminino

 

O BJJ Fanatics acompanha diariamente tudo que acontece no universo do MMA e do Jiu Jitsu trazendo pra você através de nosso Blog as todas as novidades! Continue acompanhando nossas postagens! Além disso, nosso site disponibiliza o maior acervo de cursos online com os maiores atletas da atualidade!

Já imaginou aprender com aulas particulares e exclusivas desses caras? Sim, isso é possível! Nosso site possui cursos com atletas como  Eduardo TellesFabiano Scherner, Fábio Pinheirodentre outros. 

Não Deixe De Conferir Nosso Conteúdo!  

TUDO SOBRE A GUARDA TARTARUGA COM EDUARDO TELLES

COMPRE AQUI

DERRUBOU, PASSOU & FINALIZOU SEM KIMONO COM FABIANO PEGA-LEVE SCHERNER (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

EXORCISTA COM FABIO PINHEIRO (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

 

Marcadores