No Jiu Jitsu, Quando Não Dá Com A Técnica Você Deve Arriscar E Ir No Coração

No Jiu Jitsu, Quando Não Dá Com A Técnica Você Deve Arriscar E Ir No Coração

Quem entende o objetivo do Jiu Jitsu sabe que ele é baseado no sistema de alavancas, que é uma arte que prioriza movimentos e técnicas para sobressair e controlar o oponente com o mínimo de força. Tanto que leva a denominação de arte suave, remetendo à leveza e precisão dos movimentos que devem ser realizados com o mínimo de desgaste possível.

Sempre há aquele papo de que Jiu Jitsu é só técnica e nada de força. E ele foi desenvolvido para ser assim mesmo. No entanto, na prática, tem horas que não é tão simples assim e haverá momentos que a força poderá lhe salvar.

Em uma luta enfrentamos dois adversários. Um é o atleta que fará o combate corpo a corpo e o outro será sua cabeça. Essa ultima adversária pode ser pior do que mil gigantes e ainda pode te derrubar em poucos instantes se você não for mais forte do que ela.

Sua mente tenta fazer você desistir a todo o momento. Quando você começa a ficar desconfortável ela já quer te induzir a desistir, parece que em alguém dentro da sua cabeça dizendo: “Ei, para! Desista logo você está cansado, seu oponente está melhor, mais forte você não e páreo para ele. Se desistir agora vai poder sair beber uma água e descansar. Seu sofrimento vai acabar.” Isso vai minando você ainda mais e começa a passar aqueles pensamentos de uma pessoa derrotada. Veja bem, isso não é em relação a resultados, um embate entre duas pessoas somente uma poderá sair vitoriosa, mas não quer dizer que o outro é um perdedor. Só reforça que a técnica de um sobressaiu a do outro naquele dia.

Agora ser uma pessoa derrotada é diferente. Isso se refere mais a um estado de espírito do que propriamente a um resultado de uma luta. Um lutador deve ser guerreiro, sentir vontade de ganhar, ele sabe que ao entrar num tatame e 50% de chance para um e 50% para outro, o que muda é quem está com mais sede de sair campeão.

Sabe aquele ponto que tudo dói que você não sabe se respira ou se chora que não sente nenhum músculo do seu corpo mais? É nesse momento que você tem que buscar a última gota de vontade que tem dentro de você, dar tudo de si, tentar esquecer o que te incomoda e dar o seu sangue para sair vitorioso.

Como dizem quem perde de 10 perde de 50, mas tem que arriscar, você precisa de apenas poucos segundos para virar o jogo, uma finalização bem encaixada ou um movimento de explosão pode alterar o resultado.

Já dizia Albert Einstein “Há uma força motriz mais poderosa que o vapor, a eletricidade e a energia atômica: A vontade!! Essa vontade tem que estar presente a todo momento na vida do lutador de Jiu Jitsu, vontade de aprender, querer mais que todo mundo, vontade de ser campeão e de ser melhor do que si mesmo.

Confira um vídeo do canal BJJFANATICS com a fera Bernardo Faria contando que a Técnica Vence A Força, Mas A Vontade Vence A Técnica

Se você entra em uma luta achando que vai perder, você já perdeu! Deixou a negatividade entrar na sua mente. O verdadeiro campeão não olha contra quem ele vai lutar, ele olha para si, ele analisa o que sabe e o que não sabe, busca melhorar e da tudo de si dentro daquele tatame. Independente do resultado ele sai muito feliz e satisfeito pois sabe que deu tudo de si naquele momento.

Esse é o objetivo. Dar o seu melhor sempre independe a área, seja no trabalho, em casa, com a família e principalmente nos treinos de Jiu Jitsu. Se proponha a ser um pouco melhor todos os dias e no fim notará como se tornou uma pessoa melhor mais forte e mais confiante.

Estou perdendo a luta o que fazer?

Você treinou muito bem, está mais que preparado para o combate, está bem confiante e de repente... Seu adversário te surpreendeu e está na sua frente. Você tem duas opções: entregar o jogo ali e ir para casa como o cara que desistiu. Ou lutar até o fim tentando reverter a luta ao seu favor.  Entenda que a luta só acaba quando o juiz diz que acabou. Então aproveite esse intervalo para correr atrás do prejuízo.

Às vezes você só precisa dar aquele gás final para vencer, ou pelo menos para provar que tentou. Isso é o que diferencia o simples atleta daquele que tem o espírito de um verdadeiro guerreiro.

Terá momentos que a técnica será sua maior aliada e terá momentos que você não consegue recorrer a ela, e é exatamente aí que se separam os meninos dos homens. Use sua garra, tire força de onde não tem, lute com o coração. Para ser melhor você tem que querer ser melhor.

O verdadeiro campeão não foca nas adversidades ele vai a luta se tiver sol ou tempestade. Um exemplo disso é o multicampeão Bernardo Faria, as adversidades nunca foram motivos para ele desistir, suas lutas são marcadas por sua garra e vontade de vencer. Essa fera do Jiu Jitsu se tornou grande inspiração para muitos praticantes, ele é aquele cara que tem um jogo próprio e muito bem empregado de meia guarda, mas também é conhecido por não se dar por vencido e sempre buscar posições melhores mesmo quando está na “roubada”. Essa sua coragem e sua força de vontade o fez desenvolver também um jogo de contra-ataque aliado com defesas. Mesmo quando está diante de posições perigosas ele consegue escapar delas e ainda sobressair o adversário trazendo ele para dentro do seu jogo.

Leia Mais Sobre Bernardo...

Quer afiar suas defesas no Jiu Jitsu?

O BJJFANATICS possui um grande arsenal de cursos com as posições mais variadas feitas pelos maiores expert no assunto. Bernardo Faria o rei das defesas faz parte do time do BJJFANATICS e preparou um excelente curso para você focando nas defesas mostrando para você como sair de posições perigosas e conseguir virar o jogo.

Venha aprender com os melhores e seja também um campeão!

O MANUAL DAS DEFESAS COM BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

Marcadores