Jiu Jitsu É O Mais Novo Esporte Das Olimpíadas De Policias E Bombeiros Que Serão Realizadas Na China Em 2019

Jiu Jitsu É O Mais Novo Esporte Das Olimpíadas De Policias E Bombeiros Que Serão Realizadas Na China Em 2019

As Olimpiadas dos Policiais e Bombeiros, conhecidas mundialmente como  “World Police and Fire Games (WPFG)” é um evento que ocorre a cada 2 anos é aberto ao público de em todo o mundo das forças de seguranças, tanto de serviço ativo quanto aos aposentados da aplicação da lei e combate ao fogo.

Após a realização da assembleia geral da SJJIF (Sport Jiu Jitsu International Federation) em Los Angeles (EUA), foram discutidas estratégias para o desenvolvimento integrado do Jiu Jitsu pelo mundo e foi anunciado em primeira mão a inclusão do Jiu Jitsu para próxima edição do World Police and Fire Games 2019.

O WPFG é faz parte da Califórnia Police Athletic Federation (CPAF), uma organização esportiva policial americana. Os Jogos são realizados de maneira bianual e oferecem aproximadamente sessenta desportos, incluindo a pesca amadora, atletismo, luta livre, tiro com pistola e na próxima edição será incluso o Jiu Jitsu. Cerca de 10.000 participantes, integram o grande evento, um número ligeiramente menor do que os Jogos Olímpicos tradicionais.

O evento teve inicio em 1985 e as duas primeiras edições foram realizadas em San Jose, Califórnia, a partir da 3 edição passou a viajar pelo mundo  passando por Canadá, Austrália, Suécia, Espanha, Inglaterra e a edição de 2019 será realizada em agosto na cidade de Chengdu na China. Estima-se que o local de 2021 seja Rotterdam na Holanda.

Jiu Jitsu olímpico

Muito se discute sobre o Jiu Jitsu se tornar um esporte olímpico. Assim como tudo,na vida transformar a  arte suave em um esporte olímpico acarretaria em benefícios mas também em prejuízos á arte suave. Vejamos dois pontos de vista.

Em 2016 o Ministro dos esportes, Leonardo Picciani, iniciou uma campanha para tornar o Jiu Jitsu um esporte olímpico. Picciani lembrou que o Brasil é o local com o maior número de praticantes do no mundo e que o esporte é praticado em muitos países e em todos os continentes. "Essa é uma campanha que tem a cara do Brasil e vamos reunir todas as federações nacionais para pleitear junto ao Comitê Olímpico".

Para o ministro Picciani, que iniciou essa campanha pouco antes da realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio, os jogos no Brasil é uma oportunidade histórica para que a modalidade possa estar presente em futuras olimpíadas.

“Nada mais simbólico para um esporte que hoje em dia é conhecido como nosso. Podemos dizer ao mundo e ao Comitê Olímpico Internacional que a gente sonha, pleiteia e busca que o Jiu Jitsu esteja nas próximas edições”, disse, Picciani.

Fábio Gurgel , líder de uma das maiores equipes do mundo, a Alliance, é contra a inclusão do esporte nas olimpíadas.

“Uma das perguntas que mais escuto do público em geral é: quando o Jiu-Jitsu vai se tornar olímpico? Isso era um sonho de todo atleta na minha época,  e ainda deve ser de muitos hoje, porém, as pessoas que mais defendem o Jiu-Jitsu na olimpíada geralmente são aquelas que são apenas praticantes e amantes da arte, e que, provavelmente, não participariam de uma olimpíada caso ela acontecesse. Amantes do Jiu-Jitsu ficariam felizes em ver nosso esporte com uma exposição mundial, mas, e as consequências disso, vocês já pararam para pensar?”, questionou Fábio.

O faixa preta apontou alguns motivos que hoje, em sua opinião, afastam essa possibilidade.

“O que é ser um esporte olímpico no Brasil? Beneficiar talvez 20 ou 30 atletas que disputariam no máximo 10 vagas disponíveis a cada 4 anos? E o restante? E as academias que hoje existem e se tornaram o negócio de tantos que escolheram viver do Jiu Jitsu? Isso simplesmente terminaria por completo, pois o comando do esporte iria para o governo, ministério dos esportes e todas as camadas da burocracia estatal que a cada dia se mostra mais ineficiente”, defendeu Gurgel.

"Gurgel é um dos líderes da fortíssima equipe da Alliance, equipe na qual o penta campeão mundial Bernardo Faria integra."

Leia Mais Sobre Bernardo...

A inclusão do Jiu Jitsu nos Jogos Olimpicos é algo que deve ser muito bem pensado e analisado pois as consequências positivas ou negativas serão eternas. Contudo a inclusão do Jiu Jitsu nessa Olimpíada de Policias e Bombeiros servirá como uma prévia do que pode acontecer caso o esporte se torne realmente olímpico.

Nós do BJJ Fanatics, torcemos para que o evento seja um sucesso e sirva para fortalecer ainda mais a nossa arte!

Nosso site acompanha diariamente tudo que acontece no universo do Jiu Jitsu trazendo pra você através de nosso Blog as todas as novidades! Continue acompanhando nossas postagens! Além disso, nosso site disponibiliza o maior acervo de cursos online com os maiores atletas da atualidade!

Já imaginou aprender com aulas particulares e exclusivas desses caras? Sim, isso é possível! Nosso site possui cursos com atletas como Leonardo Saggioro, Cláudio CalasansLeandro Lodentre outros. Não deixe de conferir nosso conteúdo!

RASPE TODO MUNDO POR LEONARDO SAGGIORO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  MATADOR DE GIGANTES POR CLAUDIO CALASANS (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

 A GUARDA LO E A PASSAGEM MATRIX POR LEANDRO LO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

Marcadores