Gosta De Fazer Guarda? Conheça 12 Maneiras Diferentes E Eficientes De Jogar Por Baixo

Gosta De Fazer Guarda? Conheça 12 Maneiras Diferentes E Eficientes De Jogar Por Baixo

Imagine que você tem uma fortaleza, e dentro dessa fortaleza você esconde seus maiores tesouros e aquilo que considera mais importante. É nesse forte que você se mantém seguro e se protege dos ataques de seus inimigos.

Dentro do Jiu Jitsu a fortaleza que o manterá longe dos perigos e dos ataques dos seus adversários, deverá ser a sua GUARDA!!!

Nada nem ninguém podem ultrapassar essa fortaleza suas pernas devem ser ágeis e precisas para contra atacar qualquer investida de seu oponente. Ela deve ser forte, firme e suas pegadas devem estar bem alocadas para lhe dar segurança onde possa sobressair e confundir quem está do outro lado.

A guarda é aquela posição onde o praticante fica por baixo e utiliza de suas pernas para efetivar suas técnicas e que também tem o intuito de se proteger e evitar que o oponente a transponha e assim o coloque em uma situação de risco.

Há uma infinidade de variações de guarda e apesar de alguns não gostarem de utilizar da guarda nos treinos e nas lutas, ela pode ser muito eficiente e pode fazer até fazer com que os grandões se enrolem ao entrar na guarda ofensiva dos menores.

Para ser um bom guardeiro é necessário que ele tenha uma boa flexibilidade e tenha pegadas firmes e certas para tornar sua guarda ofensiva, além de estar com as técnicas que partem da guarda e suas variações bem afiadas.

Paulo e João Miyao são exemplos de guardeiros natos, eles têm uma facilidade imensa e desenvolvem uma luta muito boa e eficaz quando resolvem fazer sua guarda mortífera. Eles são considerados como os reis do berimbolo, que é uma técnica que eles utilizam saindo da guarda e girando para as costas do adversário. Todos que enfrentarem os Irmãos Miyao, ficam apreensivos ao caírem na guarda desses caras, pois já sabem que "vem chumbo grosso".

O BERIMBOLO E MUITO MAIS COM IRMÃOS MIYAO (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

Conheça 12 tipos diferentes de Guarda

Guarda fechada

 A guarda fechada é uma das guardas mais importantes e eficientes, geralmente é a primeira guarda a ser apresentada ao iniciante no Jiu Jitsu. Ela é configurada quando o guardeiro envolve suas duas pernas na cintura de seu adversário, mantendo seus pés cruzados.

A guarda fechada traz muita segurança a quem a utiliza, pois além de haver uma infinidade de posições que partem dela o guardeiro ainda consegue controlar seu adversário com um pouco mais de tranquilidade. Pois para efetivar uma passagem o oponente ainda tem o trabalho de abrir essa guarda o que dá mais tempo de reação para o atleta que está embaixo

Guarda aberta

A guarda a aberta já é um pouco mais avançada que a fechada, mas não menos eficiente. Para trabalhar com ela o praticante deve ter um pouco mais de habilidade. A tradicional é feita quando a atleta que está embaixo trabalha com as pernas soltas onde ele consegue se adaptar ao movimento que o oponente vier a fazer.

Meia guarda

Não importa se você gosta, sabe ou não fazer a meia guarda, sempre haverá um momento que você cairá nela mesmo que seja para se defender de uma futura passagem.

A meia guarda antes era utilizada apenas como meio de repor para a guarda fechada. Roberto Gordo da Gracie Barra começou a atacar finalizações e raspagens desta guarda, a partir disto, ela evoluiu e se tornou uma das posições com mais variações do Jiu Jitsu.Ela é feita quando o atleta prende um das pernas do adversário entre as suas e as raspagens partindo dali são inúmeras.

Leonardo Saggioro é considerado um dos atletas mais duros de sua categoria, ele desenvolveu um jogo forte e preciso no qual utiliza de sua meia guarda para conseguir vencer a maioria de suas lutas.

Leia Mais Sobre Cascão...

Meia guarda profunda

A meia guarda profunda é o mesmo fundamento da meia guarda tradicional a diferença é que o aplicador da guarda traz seu oponente para cima do seu ombro mantendo uma das pernas ainda presa, usada para raspar ou pegar as costas do adversário, trazendo infinitas possibilidades para o que a esta aplicando, quanto para o passador.

Bernardo Faria é um dos maiores lutadores da atualidade que utiliza muito a meia guarda  profunda ofensiva, onde ele raspa com facilidade oponentes mais fortes, maiores e mais atléticos.

Leia Mais Sobre Bernardo...

Guarda X

Guarda utilizada com o intuito de raspar já que as possibilidades de finalização para este tipo de guarda são escassas. Ao fazer esta guarda o objetivo e trazer umas das pernas do adversário na direção do pescoço, onde deverá abraçá-la, a mão que esta livre deverá ser usada para fazer pegadas de faixa, lapela ou manga.  Logo em seguida o guardeiro cruzará as duas pernas nas pernas do adversário em forma de X, desequilibrando o adversário e abrindo  várias possibilidades para raspar. Da seguinte forma:

Guarda Aranha

Nesta Guarda o guardeiro tem o domínio das duas mangas e coloca um pé em cada bíceps do adversário mantendo uma perna estendida e outra flexionada alternando esse movimento de acordo com o seu objetivo ou com a atitude do adversário.

Meia guarda aranha

Seria quando a atleta que está embaixo mantém um dos pés no bíceps do oponente e varia onde colocará o outro podendo ser no quadril ou um gancho invertido em uma das pernas do passador.

 Guarda laço

A guarda laço se desdobra quando o atacante faz um domínio de uma das mangas e laça o braço do oponente com uma das pernas passando-a por fora deste braço dominando e fazendo um gancho com o pé na axila de seu oponente. Dessa posição existem inúmeras formas de raspar.

 Guarda De La Riva

Leva esse nome em homenagem a seu criador Ricardo De La Riva, muito utilizada para manter o adversário afastado e abrir possibilidades de raspagens. Nesta guarda o pé do guardeiro fará um gancho na perna o adversário e a outra que esta solta controlará a distância empurrando a perna livre do adversário. Tão eficiente que seu idealizador venceu Royler Gracie utilizando esta guarda.

Guarda tartaruga

Guarda muito usada como defesa onde o guardeiro vira de quatro apoios, ou seja, de costas para o adversário e dali busca inverter o oponente ou fazer ataques surpreendentes.Assim como a fera Eduardo Telles, que revolucionou a guarda tartaruga, tornando-se um dos competidores mais temidos de sua época utilizando essa guarda inovadora.

TUDO SOBRE A GUARDA TARTARUGA COM EDUARDO TELLES

COMPRE AQUI

 Guarda tornado

Muito utilizada por Robert Cyborg, a guarda tornado exige muita flexibilidade e força para ser executada, consiste em deixar uma perna entre as pernas do adversário, rodar com o quadril para o lado oposto, segurar um dos braços e pendular com a outra perna até conseguir raspar. É uma guarda bem avançada e de difícil execução, mas muito efetiva.

Guarda lapela

Keenan Cornelius foi seu idealizador. Utilizou no Pan Americano 2014 e no Campeonato Mundial 2014, onde surpreendeu seus adversários. É uma mistura entre guarda De La Riva e laço. Onde a peça fundamental para sua execução é fazer uma guarda laçada utilizando a lapela ao invés do braço, depois passar essa lapela por baixo de uma das pernas do adversário e com a perna que está livre se trabalha De La Riva ou Ganchos, até obter a raspagem.

Quer aprender mais sobre Guardas? Nós temos um conteúdo exclusivo para tornar você um guardeiro de “responsa”.

O BJJ Fanatics separou para você um material com um arsenal de técnicas partindo das mais variadas guardas. Você vai aprender a afiar sua guarda, sem sair de casa, com os melhores de todos os tempos como Irmãos Miyao, Bernardo Faria, Leonardo Saggioro, Eduardo Telles, Leandro Lo, dentre outros.

Venha Conferir!

OS SEGREDOS DA MEIA GUARDA TESTADA E APROVADA DE BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

RASPE TODO MUNDO POR LEONARDO SAGGIORO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

A GUARDA LO E A PASSAGEM MATRIX POR LEANDRO LO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

Marcadores