Huka-Huka A Luta Indígena Genuínamente Brasileira

Huka-Huka A Luta Indígena Genuínamente Brasileira

Todos nós já estamos cansados de saber que além do país do futebol nós também somos o pais do BJJ, porém além do Jiu Jitsu Brasileiro nosso país também outra arte marcial 100% desenvolvida no território tupiniquim. Os índios brasileiros também tem sua própria arte marcial que utiliza de uma pintura especial no corpo, panos grossos para proteção das articulações, pele de onça na cintura e até colares feitos de placas de caramujos.

Estamos falando do HUKA-HUKA, este estilo de combate foi criado pelo povo indígena Bakairi e povos do Xingu, localizados no Estado do Mato Grosso. O huka-huka é bastante praticado nessa região e representa uma das modalidades dos Jogos dos Povos Indígenas, competição esportiva criada no ano de 1996, esses Jogos são uma espécie de Olimpíadas entre povos nativos e o evento acontece de dois em dois anos em um local diferente do país.

O Huka-huka, além de esporte, também possui um caráter ritualístico e disciplinar, sendo uma forma encontrada pelos nativos de promover a sua cultura e de participar na vida da tribo.

Como luta ritual, o huka-huka é praticado durante o Quarup (ritual de homenagem aos mortos ilustres) e possui simbolismo competitivo, onde a força e virilidade dos jovens é testada. A arte marcial está inserida em um amplo contexto de competições realizadas em virtude do Quarup.

Cada aldeia tem seus melhores lutadores, que se apresentam escolhidos pela comunidade como principais. No ritual, um homem chefe, que é considerado o dono da luta, vai até a parte central de uma arena e escolhe os adversários oc chamando pelo nome. O Huka-Huka é uma luta similar ao wrestling: sem golpes traumáticos, baseada em quedas, imobilizações e chaves.

A luta é se inicia com os atletas de joelhos, onde os lutadores ficam frente a frente, ajoelham-se e giram de forma circular em sentido horário. Eles se encaram e começam a luta. O objetivo é levantar o oponente e depois levá-lo ao chão.

Essa luta está presente em vários de nossos rituais e significa status para o vencedor. Se ganha o respeito da aldeia e de outras aldeias, felicidade para a família e grande orgulho da comunidade a que pertence. Desde criança já se pratica o huka-huka para se tornar um grande lutador.

Para vencer a luta é necessário levantar o seu adversário e arremessá-lo ao chão e não há juiz. Isto se diferencia, por exemplo, do Judô porque não significa simplesmente derrubar ou imobilizar o adversário já no chão, e também é diferente de outras artes marciais, como o caratê, pois não basta desferir golpes no adversário, é necessário vencê-lo em uma disputa direta de agarramentos e depois mostrar-se capaz de derrubá-lo, sendo uma disputa efetuada em duas fases importantes.

Como luta ritual, o huka-huka é praticado durante o Quarup (ritual de homenagem aos mortos ilustres) e possui simbolismo competitivo, onde a força e virilidade dos jovens é testada. A arte marcial está inserida num amplo contexto de competições realizadas em virtude do Quarup.

No amanhecer do dia posterior ao Quarup, termina o momento de ressurreição simbólica e o choro e o canto cessam. Os visitantes anunciam sua chegada com gritos e iniciam competições de huka-huka entre os campeões de cada tribo, seguidas de lutas grupais para os jovens.

Essa arte marcial indígena é tão eficiente que, em São Paulo, vem sendo testada na formação de Policiais Militares. A luta também vem sendo estudada por lutadores de artes marciais mistas, de maneira a aplicá-la em combates profissionais.

Será que um praticante de Huka-Huka teria chances contra um atleta de Jiu Jitsu? Isso nós não sabemos dizer, até porque é muito difícil mensurar o grau de eficiência da luta indígena contra a tradicional luta de Hélio Gracie... 

O Jiu Jitsu Brasileiro evolui a cada dia e BJJ Fanatics acompanha essa evolução trazendo para você o maior acervo de cursos online com os maiores atletas da atualidade!

Já imaginou aprender com aulas particulares e exclusivas desses caras? Sim, isso é possível! Nosso site possui cursos com atletas como Leonardo SaggioroBernardo FariaCláudio CalasansLeandro Lodentre outros. Não deixe de conferir nosso conteúdo! 

RASPE TODO MUNDO POR LEONARDO SAGGIORO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  

OS SEGREDOS DA MEIA GUARDA TESTADA E APROVADA DE BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

A ENCICLOPÉDIA DA PASSAGEM NA PRESSÃO COM BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  

MATADOR DE GIGANTES POR CLAUDIO CALASANS (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

 

A GUARDA LO E A PASSAGEM MATRIX POR LEANDRO LO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

 

Marcadores