Hélio Gracie O Mestre Dos Mestres

Hélio Gracie O Mestre Dos Mestres

A História Do Jiu Jitsu - Parte 3 de 3

Hélio Gracie

Hélio Gracie, nascido em 1 de outubro de 1913, na cidade de Belém do Pará e falecido em 29 de janeiro de 2009 aos 95 anos em Petrópolis, Rio de Janeiro, era o filho caçula de Gastão Gracie. Hélio é considerado o responsável pela difusão do Jiu Jitsu no Brasil e idealizador do estilo de arte marcial brasileira conhecido mundialmente como Brazilian Jiu Jitsu.

No post anterior, você conheceu a história de Mitsuyo Maeda (Conde Koma) japonês responsável pela introdução do Jiu Jitsu no Brasil. Na cidade de Belém, Conde Koma ministrava aulas do então tradicional Jiu Jitsu, um de seus principais alunos foi Gastão Gracie, pai de Hélio.

Maeda ensinou a luta a Gastão e seus filhos, exceto para Hélio, que diferentemente dos seus 8 irmãos mais velhos apresentava um biótipo frágil, além de vertigens, desmaios e  problemas nas articulações, por conta de tudo isso, Hélio era proibido de praticar Jiu Jitsu.

Seus irmãos foram adquirindo conhecimento e Carlos Gracie começou ministrar aulas que eram acompanhadas de perto por Helio que tentava se ingressar na turma, mas suas tentativas eram em vão, já que Carlos não o permitia treinar por conta de seu aspecto físico franzino e tudo pôde aprender nessa época foi de forma teórica, através da observação dos treinos de seus irmãos.

Hélio ficava sempre do lado de fora do tatame e de lá, analisava os movimentos e somente de vez enquanto, seus demais irmãos rolavam com Hélio, escondido de Carlos, que ainda temia pela fragilidade do menino.

Aos seus 16 anos, já morando no Rio de Janeiro, Hélio teve a oportunidade que mudaria a sua vida. Carlos, havia marcado uma aula particular, mas se atrasou, e quando o aluno chegou, Hélio ofereceu-se para dar aula ao rapaz. Quando Carlos chegou pedindo desculpas pela demora, o aluno afirmou que não havia problema e que daquele momento em diante gostaria de receber aulas com Hélio.

Devido a sua dificuldade em executar certos movimentos do Jiu Jitsu tradicional, Hélio percebeu, que mesmo sabendo as técnicas teoricamente, seria difícil executá-las devido à sua fraqueza, porque muitas das técnicas exigiam força bruta.

Hélio buscou adaptar os movimentos de acordo com seus atributos físicos e aprendeu a maximizar a alavanca, assim minimizando a força que seria necessária para executar as técnicas, onde um praticante menor e mais fraco ganharia a capacidade de se defender e até derrotar oponentes mais fortes  e ao longo dos anos, o esporte foi então se moldando em direção ao Jiu Jitsu Brasileiro que conhecemos hoje.

Desafios

A partir de suas adaptações e enorme habilidade em realizar os golpes criados por ele, Hélio queria mostrar para todos a eficiência de sua arte. Para isso, Hélio começou a desafiar lutadores de outras artes.

Sua primeira luta profissional foi aos 17 anos, enfrentando o boxeador Antônio Portugal. Hélio derrotou seu oponente com apenas 30 segundos de luta! Em seguida, o Gracie enfrentou o americano Fred Albert por nada menos que 14 rounds de 10 minutos, e depois de mais de 2 horas de combate, a luta foi interrompida pela polícia.

A grande popularização dos duelos vieram a partir da rivalidade entre a Família Gracie e os judocas. Hélio foi o primeiro ocidental a vencer um japonês após vencer Kato, vice-campeão mundial de Judô, nessa ocasião Hélio foi desafiado por Kimura, atual campeão mundial de Judô, e considerado até os dias de hoje um dos maiores judocas de todos os tempos. Kimura  estava no Brasil numa expedição junto de Kato e outros judocas japoneses que visavam difundir o Judô pelo mundo.

Hélio Gracie lutou contra o judoca Masahiko Kimura, no Maracanã, Hélio resistiu 18 minutos, arrancando elogios do adversário em plena luta, onde o japonês ganhou a luta usando uma chave de braço chamada ude-garami - que mais tarde seria chamada de Kimura, onde  Hélio se recusava a "bater" e só foi vencido quando seu irmão, Carlos Gracie, jogou a toalha, temendo fratura séria.

No dia seguinte, Kimura foi a casa de Hélio Gracie e o convidou a ir ao Japão. O brasileiro preferiu continuar seu trabalho no Brasil. Apesar da derrota, Hélio Gracie saiu do combate com seu objetivo cumprido, provando a eficiência da arte que criou.

Legado

Hélio passou por um episódio peculiar nas praias do Rio de Janeiro, atirando-se ao mar para salvar um homem de  um afogamento. Hélio recebeu uma medalha de honra ao mérito, por conta do acontecimento. Por onde passava Hélio era reverenciado, além de pai de família, lutador e mestre de Jiu Jitsu.

A opinião pública o aclamava Hélio como um herói nacional e durante muito tempo, suas vitórias ocuparam as primeiras páginas dos maiores jornais do País.

Confira esse trecho de uma entrevista dada por Hélio:

“O Jiu-Jitsu que criei foi para dar chance aos mais fracos enfrentarem os mais pesados e fortes. E fez tanto sucesso, que resolveram fazer um Jiu Jitsu de competição. Gostaria de deixar claro que sou a favor da prática esportiva e da preparação técnica de qualquer atleta, seja qual for sua especialidade. Além de boa alimentação, controle sexual e da abstenção de hábitos prejudiciais à saúde. ”

A vida de Hélio sempre foi fundada em princípios morais, Hélio fez da técnica e da dignidade do esporte a sua bandeira. Defendendo maior rigor em nome dos princípios éticos e das elevadas tradições do jiu-jitsu. Com sua personalidade marcante, Hélio Gracie passou a simbolizar retidão de caráter, honestidade, coragem e saúde.

Gracie foi, não só um exemplo de lutador, mas um exemplo de homem. Buscou até o fim lutar pelos seus ideais, levantar a bandeira do Jiu Jitsu e defender a sua família com unhas e dentes.

O conhecimento de Hélio foi disseminado e aprimorado, hoje em dia o Jiu Jitsu é uma Legião Mundial!  Nosso site conta com os melhores guerreiros dessa legião! Disponibilizando o mais exclusivo e completo conteúdo com os estes caras, atletas como Rodolfo Vieira, Leonardo Saggioro, Bernardo FariaCláudio Calasans , Leandro Lo e Robson Mau Mau nos mostram seus segredos e ajustes de suas posições favoritas! 

Não deixe de aproveitar essa oportunidade de aprender com os melhores do Jiu Jitsu Mundial!

 

O DOMÍNIO DO JIU-JITSU AMASSE, PASSE E FINALIZE POR RODOLFO VIEIRA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  

RASPE TODO MUNDO POR LEONARDO SAGGIORO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  

OS SEGREDOS DA MEIA GUARDA TESTADA E APROVADA DE BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

A ENCICLOPÉDIA DA PASSAGEM NA PRESSÃO COM BERNARDO FARIA (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

  

MATADOR DE GIGANTES POR CLAUDIO CALASANS (ACESSO ONLINE)

 

COMPRE AQUI

 

A GUARDA LO E A PASSAGEM MATRIX POR LEANDRO LO (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

A KIMURA DO “MAU-MAU” - A KIMURA COMO UM ESTILO DE LUTAR JIU-JITSU (ACESSO ONLINE)

COMPRE AQUI

 

Marcadores